Globo passa por boa fase com suas novelas

quarta-feira, 19 de outubro de 2011 | Postado por: Campeões de Audiência | 0 comentários


Atualmente, a Rede Globo passa por uma ótima fase com suas telenovelas. As 4 tramas que estão no ar, tem uma boa aceitação do público. Tem um texto rico e bem envolvente. Tem elenco e direção afinados. Hoje, Lícia Manzo, Miguel Falabella e Agnaldo Silva, tem tudo para acertar. Incluo nessa turma, Mulheres de Areia, que mesmo não sendo uma novela atual, se adequa perfeitamente as exigências dos telespectadores de 2011. As possibilidades dessas novelas continuarem a crescer e atingirem índices de audiência acima das anteriores é grande. Alguma artimanha da concorrência, é que pode vir a frustrar a Globo, nesse sentido, o que duvido muito. 


Brasileiro é noveleiro. Isso é fato e a Globo é quem sai ganhando, devido a falta de atitude coerente e ousada do SBT, Record, Band e Rede TV! Até a TV Cultura, no passado, já produziu novelas, sendo educativas, claro, baseadas em livros e contos. A extinta TV Manchete, que entendeu essa vontade dos brasileiros de ver novela, entrou na dança da Globo e abocanhou fatias bem rechonchudas desse bolo. Lembram de Pantanal? A novela de Benedito Rui Barbosa fez a emissora da família Marinho se ajoelhar. SBT teve seu período de glória na dramaturgia, sobretudo com tramas mexicanos. Já a Record, perdeu um pouco a linha, mas continua lutando para pegar um pouco desse público. 


Entender o brasileiro, é o que a Globo faz. O efeito sanduíche é extremamente inteligente e faz o canal carioca, uma das emissoras mais assistidas, entrando para o top 3 mundial. A estratégia que chamo de efeito sanduíche, é a exibição de novela das seis, seguido de jornal local e mais uma novela, a das sete. E, também, a exibição da novela das sete, seguido do jornalístico principal da casa e mais uma novela, agora, a das nove. Ponto para a Globo e coerência, que leva ao hábito, indispensável para a TV, nos dias de hoje. 


Essa é a minha opinião: @AllissonMidia

categoria:

0 comentários