O que falta na fazenda?

segunda-feira, 10 de outubro de 2011 | Postado por: Campeões de Audiência | 0 comentários


Para ter fôlego, para uma segunda temporada, a Record vai ter que fazer mais, em "A Fazenda". Não dá para ser apenas mais um reality da TV, já conhecido pelo povo, com final previsível. Tem que ir além. Se não quiser perder tantos anunciantes, quiser ultrapassar esses resultados de audiência hoje conquistados e, realmente, atrapalhar a boa vida que a Globo leva, está na hora de repensar uma série de coisas, não é, Record?


Primeiro, o apresentador: Britto Júnior, sem dúvida, é um bom apresentador. Mas isso não basta mais. Para um reality, em horário nobre, pesado e dinâmico, como deveria ser "A Fazenda", o apresentador está muito abaixo do que pede esse programa. Algo maior, mais vivo, necessitava estar alí. Quem sabe até revelar um novo nome. Alguém das afiliadas, alguém novo. Ou até pratas da casa, que pudessem agregar e não subtrair, como infelizmente, Britto tem feito. São tantos nomes: Gugu, Rodrigo Faro, Geraldo Luís, Celso Cavallini, Juan Alba, Tom Cavalcante, entre outros que tem tanto potencial, quanto Britto Júnior, ou até um pouco mais. 


Não só isso, mas também, o reality necessita, urgentemente, de uma mudança drástica na sua equipe. Direção, produtores, editores. Comparando ao Big Brother, a Globo sabe manter o telespectador em frente a TV, com textos bem elaborados, divisão de temas, animações gráficas, organização de idéias bem definidas, de uma maneira que leva a quem está vendo o programa a não sentir o tempo passar e a casa de confinamento ficar mais vazia. Mostrar simplesmente o dia à dia, como na fazenda, não encanta. É necessário que a equipe de edição dê o tom da brincadeira e dite as regras do jogo. 


Para encerrar, analisemos os índices de audiência dessa temporada. Ela está indo mal, apesar de alavancar programas como o "Hoje Em Dia" e "Tudo a Ver", mas, no horário inédito de exibição, não rende resultados satisfatórios. Chegar a momentos de terceiro lugar de audiência é inadmissível, para quem se propõe a ser líder. Que a 5ª temporada, em 2012, venha com renovações reais e perceptíveis.


@AllissonMidia

categoria:

0 comentários