Opinião: apesar da ótima audiência e repercussão de Gentili, Rafinha e Jô fazem programas de entrevistas superiores

quarta-feira, 19 de março de 2014 | Postado por: Allisson Marques | 1 comentários

Rafinha tem a pegada do humor um pouco mais ácida, porém, ele anda mais maneirado nos últimos meses.

Jô Soares tem um toque politizado e com uma argumentação mais inteligente para fazer sua graça. Até mantém no ar um importante debate político com mulheres jornalista de grande credibilidade no meio, o que alimenta a sede dos que preferem temas mais ricos e qualificados.

Gentili é mais escrachado, brinca demais consigo mesmo e sabe aproveitar o momento pra compor ótimas piadas.

Assim são os três apresentadores de talk shows da nossa televisão, todos lutando por seu espaço na madrugada, até o mais antigo entre eles, que agora sofre ameaças de perder a liderança.

Mas, mesmo com toda a capacidade de Gentili de fazer barulho, é Jô Soares que ainda reina em nossa TV. Seu bom gosto, sua genialidade, aliados a ética, o transformam num entrevistador fabuloso, que sabe fazer perguntas e se colocar no lugar do telespectador, arrancando do entrevistado boas respostas.

Rafinha também é muito bom nesse caminho, de entrevistar. Quem sabe, no "A Liga", a pegada jornalística o fez bem e o capacita para comandar programa de entrevistas, sabendo extrair do convidado o melhor que tem a oferecer.

Por essas e outras, que Danilo pode ter bons caminhos em esquetes, matérias divertidas e ate outros quadros.

Essa é a minha opinião!

Nosso e-mail: allissonmarques@hotmail.com
Nosso Twitter: @AllissonMidia
Nosso Facebook: Facebook.com/AllissonMarques

categoria: , , , , , , , , , , , ,

1 comentários

  1. Anônimo says:

    É por isso que o The Noite é melhor, ele é diferente e divertido e não chato como o Jó e o Agora é tarde!