'Sala de Star' recebe Suzy Valério

domingo, 11 de maio de 2014 | Postado por: Allisson Marques | 2 comentários

Sala de Star

Suzy Valério, hoje, comanda um dos mais importantes programas religiosos da televisão brasileira. Destaque entre os grandes, ela se transformou em um importante ícone da nossa mídia e revelou-se uma verdadeira apresentadora.

Aqui mesmo, no Tudo da TV, foi escolhida a melhor apresentadora de 2013 por sua versatilidade e capacidade de sair do estúdio e não se restringir a chamar musicais e fazer ações de merchandising.

Agora, Suzy é a nossa convidada do 'Sala de Star' e responde nossas peguntas sobre vida, careira e fé. 

Tudo da TV - Primeiramente, querida, gostaria que falasse um pouco sobre sua carreira. Como nasceu a apresentadora Suzy Valério? Me conte um pouco sobre o início de sua carreira.

Suzy ValérioA apresentadora Suzy Valério começou a existir nos sonhos de criança. Eu não brincava só de casinha, como a maioria das meninas, principalmente da minha geração. A brincadeira que prevalecia era a de apresentar programas de TV para minha bonecas. Quando cheguei em Fortaleza tive a oportunidade de começar a fazer propagandas na TV Diário.  Eu fui a primeira garota de merchans da TV Diário! E então tudo foi caminhando para que eu começasse a comandar um programa só meu. Tem uma frase que diz: tudo tem o seu tempo! E na minha vida, tudo foi acontecendo no tempo certo, que eu costumo dizer: NO TEMPO DE DEUS! Deus sempre envia alguns anjos para nos conduzirem e eu acredito que dois deles são da terra e vivem entre nós, Gaarcia Júnior, Consultor do Núcleo de Show da TV Diário e Ana Claudia Holanda, que atualmente é Coordenadora da Radio Verdes Mares, num encontro por acaso, me convidaram para fazer parte da TV Diário, como apresentadora e há 8 anos apresento o 'Paz e Amor'!


T - Sabemos que é esposa do João Inácio Júnior e é impossível não tocar nesse assunto. Outro dia fiz matéria sobre os casais famosos do Ceará e, claro, vocês são um dos mais destacados. Como nasceu a relação com o João Inácio Jr? ( essa será a única pergunta sobre o relacionamento, pois me atarei a manter a entrevista no âmbito profissional)

S - (risos) No tempo certo conto a nossa história. Mas, o que posso adiantar é que ele é o homem da minha vida, que em todas as nossas conversas, das mais banais até as mais importantes, me ensina lições extraordinárias, que cuida de mim, que me faz sentir a mulher mais  especial  de todas e que me deu o melhor presente da minha vida que se chama João Áxel, nosso filho de 10 anos.

T - Qual apresentadora você mais admira? Se inspirou em alguma?

S - Admiro e me inspiro em muitas. Amo assistir vários programas pela internet da Ophah. Às vezes passo horas e horas vendo várias entrevistas que ela fez.

T - Como é comandar um programa tão segmentado como o 'Paz & Amor'? Sente alguma dificuldade a mais que outros apresentadores de atrações populares?

S - Apresentar o 'Paz e Amor' é divino. Claro que tem muitas dificuldades, afinal não existe vitórias sem lutas. Mas a cada dia tenho mais certeza, que apresentar o 'Paz e Amor' é receber um presente do Céu. Nunca passou pela minha cabeça apresentar um programa  desse segmento, porém, quando o convite surgiu, foi exatamente no período que eu comecei a viver um relacionamento com Deus mais íntimo e ví isso como uma porta divina na minha vida. E como o programa veio com uma proposta diferente de tudo que já foi feito em relação a programa de cunho religioso no Brasil, agarrei o desafio. Tem dado certo! Não levantamos bandeira de nenhuma igreja, não tratamos das diferenças entre as pessoas que acreditam em Deus, só tratamos dos pontos em comum. No começo foi complicado para fazer os líderes espirituais e seus fieis entenderem a nossa proposta, mas com o trabalho sério que fazemos, onde o nosso compromisso principal é levar paz e amor, a maioria entendeu e hoje somos procurados por padres, pastores, cantores cristãos, de nosso estado e de todo o Brasil para participarem do Paz e Amor. Exemplo disso é o Padre Reginaldo Manzzotti que sempre que vem à Fortaleza, nos avisa para termos um encontro especial. Vários cantores evangélicos e católicos  tornaram-se  amigos do Paz e Amor!


T - Comandaria atração de outro estilo? Já recebeu convite para mudar formato do programa, ou até mesmo de programa?

S - Comandaria sim! Já surgiram diversas ideias, alguns convites, mas ainda não é hora!

T - Já recebeu alguma crítica de outros evangélicos, por ter um programa que recebe padres? Existe algum conflito religioso na composição do programa?

S - Críticas sempre surgem. Isso é muito comum para quem trabalha com tanta exposição como a gente, todavia, sei qual é o nosso foco, o caminho que estou trilhando junto com a minha competente equipe, atualmente formada, pelo diretor e cineasta Marco Beranger, pela jornalista em formação Marcella de Lima que é a produtora, pela estagiaria , também jornalista em formação, Emanuela Mattias e consultoria de Gaarcia Junior.

T - Como é sua ligação com Deus? Como conheceu a palavra? Qual sua postura diante do conflito "Religiosidade X Fama"? Lida bem com isso?

S - Minha ligação com Deus existe desde que me entendo como gente, meus pais sempre me ensinaram a falar com o Papai do céu. Minha família segue a religião cristã, meu pai, por exemplo, é católico e minha mãe evangélica e sempre vi muito respeito entre eles. Meus pais são o meu maior exemplo. Nasci e cresci num lar onde a fé em Deus sempre foi a base. Mas comecei a ter experiências fortes com Deus há aproximadamente 11 anos. Em relação a 'Religiosidade X Fama'  penso que se essa fama de um religioso é para a glória e exaltação DE DEUS, ou seja, para que a Palavra seja pregada para o maior número de pessoas possíveis, tudo bem, mas se é simplesmente  para a exaltação humana não concordo.


T - Hoje você é vista por muitos, principalmente por evangélicos, como um ícone da TV. Uma apresentadora que fala de Deus, de fé e esperança e defende a retidão de caráter. Para essas pessoas, você é um instrumento de Deus e entra nessas residências semanalmente, sem falta. Como você lida com isso? Como se sente ao saber dessa importância que tem em alguns lares?

S - Vejo como uma responsabilidade gigantesca, porém tudo que vem de Deus não é pesado. Fico muito realizada quando alguém fala que sentiu Deus através de algo que colocamos no programa. Uma dessas segundas ao terminar o programa, às 22 horas, tinha uma moça me esperando com gestos e olhares muito ansiosos, então me aproximei dela e perguntei o que tinha acontecido, ela me respondeu, levantando as mangas da blusa e abaixando um pouco a blusa do pescoço, e vi marcas vermelhas no pescoço e pulsos machucados, me assustei com aquilo e ela já foi dizendo que tinha tentado o suicídio e que a sua irmã conseguiu tira-la a tempo da corda que ela tinha pendurado–se. Então, ela estava chorando muito quando ligou a TV a se deparou com o Paz e Amor e sentiu algo muito forte, por isso, ela tinha ido me procurar. Fiquei sem ação, chocada com a história, mas aí respirei fundo, orei junto com ela e a encaminhei para uma líder que tenho muito respeito aqui de Fortaleza, chamada Pastora Rachel Guimaraes. Essa líder além de cuidar espiritualmente de vidas, é assistente social e deu todo o apoio que aquela jovem precisava. Hoje essa jovem venceu os pensamentos suicidas, ajuda outras vidas e já contou sua história no 'Paz e Amor' de fim de ano. Isso aconteceu já tem uns 4 anos. E assim como essa história tem muitas outras. Na hora do programa o telefone da TV não para de tocar com pessoas dando seus depoimentos de superação após terem sentido Deus através do Paz e Amor. Não me sinto um ícone, ou alguém muito importante, ou uma artista...me sinto um canal que Deus usa da forma que Ele deseja. Me sinto amada por Deus por me permitir realizar o que tanto amo, que é a minha profissão, para levar esperança para as pessoas.

T - O que você costuma ler? Cite alguns livros. E o que gosta de ouvir? O que toca em seu carro? Quais cantores, escritores que você mais admira e acompanha? O que a Suzy faz nos horários livres, de lazer, de diversão com a família?

S - Vamos lá ... amo ler livros que edifiquem a minha fé. Autores como Max Lucado, Joyce Meyer, Malcolm Smith,  Stomier Omation, Augusto Cury,  e muitos, muitos que tenham títulos dos livros que me atraiam, mas o principal de todos os livros que leio todos os dias, sem falta, disciplinadamente, porque me responde tudo sobre a vida e me renova com cada palavra é a Bíblia Sagrada. Atualmente estou lendo além da Bíblia claro, e super indico : 'Pensamentos Poderosos de Joyce Meyer' e  'O mestre da Vida' de Augusto Cury. No meu carro amo ouvir noticiários, e músicas cristãs. Nos momentos livres amo ficar em casa! Aconchegada no ninho com a minha família. (risos). Não tem lugar melhor no mundo e nem dinheiro que pague a paz que sentimos quando estamos juntos em família.

T - Como você avalia hoje sua apresentação, sua presença de palco e desenvoltura diante das câmeras? Quem é a apresentadora Suzy Valério para você?

S - Acredito que levo credibilidade no que faço, porque vivo aquilo, não sou uma personagem que se veste de Suzy Valério na segunda feira e entra às 20:10, para apresentar o Paz e Amor, eu sou a Suzy Valério, sou aquilo mesmo, falo do que acredito, levo pessoas que acredito que estão fazendo um trabalho sério cristão, Porém, não é nada fácil a gente se auto-avaliar, sou extremante exigente comigo, sempre acho que poderia ter feito melhor como apresentadora.

Nosso e-mail: allissonmarques@hotmail.com
Nosso Twitter: @AllissonMidia
Nosso Facebook: Facebook.com/AllissonMarques


categoria: , , , , , , , , , , , ,

2 comentários

  1. O Deus amado, que tenhamos Deus desde o nascimento,criação desde criança a o dia de nos recolher. Em nome do senhor Jesus amém.

  2. Iverlany Oliveira says:

    realmente, tive a oportunidade de conhecer Suzy Valério e vi que ela é aquela pessoa que eu vejo na televisão. Estrovestida,alegre, linda , simpatica e uma mulher de caráter. Fiquei bastante feliz em conhece-la, amei de paixão, uma pessoa incrivel!