Jornalismo policial da TV Diário suja a imagem da emissora

quarta-feira, 11 de novembro de 2015 | Postado por: Allisson Marques | 0 comentários


Outro dia estava assistindo a TV Diário ao meio-dia, acompanhando o ótimo telejornal exibido naquela faixa. Um dos melhores telejornais locais. Me surpreendi com o programa do Ferreira Aragão, que começa logo em seguida.

Impressão minha ou a abertura do "Comando 22" é bem parecida com a do "Brasil Urgente" da Band? Muito, por sinal.

Falando no "Comando", a TV Diário precisa buscar outra solução para ter boa audiência e bom faturamento na área do jornalismo. É sangue demais para um único dia.

Após um dia cansativo entre trabalho, ônibus lotado e problemas familiares, o cidadão, no descanso do seu sofá, ainda precisa assistir o "Rota 22" em plena faixa das 22hs?

Fala sério, criatura!



Além da questão de ser um produto indigesto para muitos, o excesso de policialescos fere a imagem da emissora e pode acabar afastando bons anunciantes que, vendo programas de auditório interessantes ou humorísticos agradáveis, recua em anunciar no canal quando percebe que entre um bom produto e outro, corpos ensanguentados são expostos e sujeitos assustadores dão entrevista detrás das grades de uma cadeia como se fossem celebridades.

Um amigo de Minas Gerais, certo dia, perguntou como eu suportava morar em Fortaleza, tão sangrenta e perigosa. E afirmou que criou essa imagem em sua cabeça por conta dos programas policias que ele via na TV Diário.

E a minha cara nessa hora? Sem mais!

Nosso e-mail: allissonmarques@hotmail.com
Nosso Twitter: @AllissonMidia
Nosso Facebook: Facebook.com/AllissonMarques


categoria: , , , , , , , ,

0 comentários